Portal da Cidade Cruzeiro do Oeste

POLÍTICA

Comissão ouve o vereador que tem suposto pedido de propina

Os depoimentos começaram por volta das 9h e se estenderam até o final da manhã desta quarta-feira (22)

Publicado em 22/06/2022 às 16:26
Atualizado em

(Foto: Colaboração ao Portal da Cidade Umuarama)

A Comissão de Exame de Denúncia, composta pelos vereadores Mateus Barreto (Presidente), Ana Novais e Cris das frutas na condição de membras, se reuniu em oitiva na manhã desta quinta-feira (22), para ouvir o testemunho do vereador Ronaldo Cruz Cardoso e do médico veterinário Estefano Demczuk, o qual apresentou pedido de cassação do vereador Ronaldo, por suposto pedido de propina para tramitação de projeto que permitiria loteamento no município. O vereador nega as acusações.

Os depoimentos começaram por volta das 9h e se estenderam até o final da manhã. O presidente dos trabalhos, vereador Mateus Barreto pretende concluir parecer até semana que vem. O documento pode ser confeccionado na forma de Decreto Legislativo a ser submetido à votação plenária caso defina a gravidade da denúncia como passível de penas em conformidade com os níveis I, II e III do artigo 2º Código de Ética da Câmara Municipal de Umuarama, que prevê; advertência pública oral, advertência pública escrita e advertência pública com notificação ao partido político ao qual pertence o vereador.

Noutra conjuntura, o parecer pode considerar a gravidade como passível de penas que incidem nos níveis IV, V e IV artigo 2º do Código de Ética. Por esse viés, deve ser desenvolvido um Projeto de Resolução, a ser submetido à votação plenária, carecendo de maioria absoluta para sua aprovação. Neste caso, a Comissão pode deliberar suspensão temporária ou a perda do mandato.

Fonte:

Receba as notícias de Cruzeiro do Oeste no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário