Portal da Cidade Cruzeiro do Oeste

ASSUSTA PELO TAMANHO

Vídeo mostra sucuri que teria sido encontrada por trabalhadores em Tapejara

A imagem teria sido registrada na quarta-feira (17) próximo ao Rio Jacaré, nas dependências da Fazenda Santo Antônio

Postado em 19/02/2021 às 12:01 |

O vídeo por sua vez foi enviado para Alessandra por sua tia, Roseli Lopes Dias, que trabalha na usina que beneficia cana-de-açúcar e tem sua sede em Tapejara. (Foto: Colaboração)

Na manhã dessa sexta-feira (19), a redação do Portal da Cidade Umuarama recebeu o registro em vídeo (veja abaixo) de uma sucuri que teria sido encontrada em uma represa que fica em Tapejara (a 53 quilômetros de Umuarama).

O vídeo foi enviado por Alessandra dos Santos Rigueira. Ela afirma que a imagem foi registrada na quarta-feira (17) próximo ao Rio Jacaré, nas dependências da Fazenda Santo Antônio. “Trabalhadores de uma usina flagraram a cobra enquanto captavam água em uma represa”, revelou.

O vídeo por sua vez foi enviado para Alessandra por sua tia, Roseli Lopes Dias, que trabalha na usina que beneficia cana-de-açúcar e tem sua sede em Tapejara. “O vídeo ganhou destaque nos grupos de mensagens instantâneas de trabalhadores da empresa e minha tia me enviou”, destacou.

Ainda conforme Alessandra, não se sabe se é a mesma cobra, mas muitos pescadores alegam ter visto réptil de mesmo porte no Rio Jacaré. “No caso dessa da imagem, o registro foi feito por trabalhadores que retiravam água de represa para abastecer caminhões-pipas da usina”, concluiu.

A redação do Portal da Cidade Umuarama entrou em contato com a assessoria de comunicação da usina de cana-de-açúcar para saber se o vídeo realmente foi gravado por trabalhadores da empresa, porém, ela informou que desconhece o fato e que seria necessário averiguar a origem da disseminação do vídeo em possíveis grupos de mensagens instantâneas de trabalhadores da usina.

Sucuri

Essas espécies de cobras não possuem veneno e matam suas presas por constrição, ou seja, enrolam-se na vítima e exercem uma grande pressão que provoca asfixia. As sucuris vivem grande parte do tempo na água de rios e lagos (hábito semiaquático) e alimentam-se dos mais variados tipos de animais, tais como peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos.



Fonte:

Receba as notícias de Cruzeiro do Oeste no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário